Poltergeist – O Fenômeno (2015): Crítica

poltergeist-o-fenomeno_t30255_jpg_290x478_upscale_q90

Título Original: Poltergeist
Gênero: Terror, Suspense
Duração: 93 min
Direção: Gil Kenan
Roteiro: David Lindsay-Abaire (Roteiro); Baseado no filme de Steven Spielberg: Poltergeist (1982)
Produção: Roy Lee; Sam Raimi e Robert G. Tapert
Elenco: Sam Rockwell (Eric Bowen); Jared Harris (Carrigan Burke); Rosemarie DeWitt (Amy Bowen) e Saxon Sharbino (Kendra Bowen); Kyle Catlett (Griffin Bowen); Kennedi Clements (Madison Bowen) e Jane Adams (Dr. Brooke Powell)

Olá, sejam todos bem-vindos, e o primeiro post do blog vai ser a crítica do filme Poltergeist – O Fenômeno (2015). Estamos em época de remakes/reboots e continuações de filmes clássicos e das décadas de 70/80 como Star Wars, Exterminador do Futuro, Mad Max e, lógico, Poltergeist. Poltergeist foi um filme de 1982 escrito por Steven Spielberg e dirigido por Tobe Hooper (O Massacre da Serra Elétrica). Tem seu plot baseado em uma família que se muda para um bairro residencial que foi construído na região de um cemitério que, em teoria, foi movido dali para um outro lugar. Toda a trama desenrola-se em volta da garotinha Carol Anne que fala com os poltergeists que se manifestam pelos aparelhos eletrônicos da casa, mas principalmente pela televisão. O filme de 2015 dirigido por Gil Kenan não muda o plot de uma maneira perceptível, mas Continuar lendo

Anúncios